Verdadeira concorrência comercial predatória e risco a saúde em Ceilândia

Publicada em: 24/07/2019
Risco a saúde, concorrência desleal, destruição de emprego formais, fechamento de empresa do ramo de comercialização de alimentos legalmente constituída, são fatores que preocupam pequenos e médios empresários em face das empresas ilegais sobre rodas que a cada dia ampliam seus negócios para a além de Ceilândia. O festival de ilegalidade em nome do que se chama de alternativas ao desemprego, alimenta um situação que além de colocar a saúde da população em risco, não atendem o mínimo de questões sanitárias. Há um show de atividades que vão desde a falta de controle das condições de trabalho, higiene, diversos trabalhadores exercem suas atividades sem o mínimo de registro profissional. Sempre instalados em regiões de maior fluxo nas cidade, os ônibus, em especial, em Ceilândia ficam localizados na região central e a poucos metros de empresas legalmente instaladas. Não pagam aluguel, nem recolhem impostos, empregados não fichados, além de não atenderem diversas obrigações sanitárias. Os empresários legais frente a essa concorrência predatória querem uma atuação do Governo do Distrito Federal, pois caso contrário ameaçam fechar suas lojas diante de tamanha falta de fiscalização fiscal, sanitária e trabalhista. Fonte: Rede Social ACIC
<< Mais Antiga       Mais Recente >> Histórico de Noticias
TV Acic
Cursos
Filiados
Rádios Acic